Análise: Avell FullRange G175 FIRE XR

Desde o ano 2000, a fabricante de notebooks Avell, com foco somente em notebooks, tem inovado o mercado Brasileiro de portáteis com modelos de notebooks de alto desempenho, personalizados com as mais variadas cores, configurações e tamanhos.

Foi na primeira semana de Julho de 2015 que a Avell anunciou o lançamento de uma nova opção para quem está em busca de um notebook de alto desempenho especializado em games, o FullRange G175 Fire XR.

“Este novo modelo agrega para o cliente mais potência em placas de vídeo e processador, tudo dentro de um gabinete leve e de espessura fina, que já são características únicas da marca”

Afirma Emerson Salomão, fundador da empresa. Assim como outros produtos da companhia, a novidade se destaca pelas possibilidades de customização oferecidas, que se adaptam às necessidades de cada consumidor.

“O produto também apresenta tela de 17 polegadas, a mais utilizada para os jogos virtuais e, ainda, todas as entradas e saídas para ganhou de conectividade em campeonatos nacionais e internacionais”

Complementa Salomão. Com 10 anos de mercado, a Avell comercializa seus produtos em lojas físicas nas cidades de Joinville, Florianópolis e Curitiba. Além disso, também é possível adquirir o portfólio de produtos da fabricante através do site www.avell.com.br que distribui equipamentos para todo o Brasil.

Primeiras Impressões

Para quem não viu ou tem curiosidade a ver segue o unboxing que fiz:

A partir do momento em que pegamos na caixa parece-me que é clara a mensagem que a Avell quer transmitir, que é de termos acabado de comprar um notebook top. Quando finalmente se abre a caixa, vemos que valeu totalmente a pena.

IMG_20150902_180848 IMG_20150902_180913 IMG_20150902_181006 IMG_20150902_181018Hardware e Design

O tamanho e o peso podem assustar um pouco, mas, assim que você abre a tampa pela primeira vez, percebe como todos os detalhes foram bem trabalhados nesse modelo. Toda a tampa externa e região interna — que fica próxima ao touchpad — possuem uma textura emborrachada. Apesar de o seu visual ser relativamente elegante e parecer ser frágil, é construído com uma base sólida e com uma textura estilizada, o desenho do equipamento se destaca em alguns pontos.

Especificações técnicas Avell FullRange G175 FIRE XR

CPU-Z

  • Processador: Intel Core i7 Haswell – 4710MM 2,5 GHz, 6 MB cache (3,5 GHz com Max Turbo);
  • Memória: 16 GB HyperX Impact DDR3 (1600 MHZ) / (2x 8 GB);
  • Armazenamento: SSD 240 GB Crucial BX100 SATA III + SSHD 1 TB com 8GB SSD Seagate;
  • GPU: NVIDIA GeForce GTX 950M (2GB Dedicado);
  • Tela: 17,3″ 16:9 (1920×1080) Full HD LED-Backlit Matte
  • Conectividade: Bigfoot Killer Wireless-N 1202 – 802.11 A/B/G/N – Wifi + Bluetooth 4.0 Combo;
  • Sistema operacional: Sem sistema operacional, mas instalei o Windows 10:

Para mais informações ver o arquivo CPU-Z.html

Os ângulos são bons, e tudo junto faz com que tenha uma coloração perfeita. A falta de pormenores no acabamento não ajuda a evitar os reflexos quando se está no exterior, apesar da qualidade de imagem ser fantástica, tendo uma excelente nitidez, uma iluminação homogênea e uma fidelidade no que toca a cores exímia.

Pela própria textura, mesmo um uso regular, consegue verificar que ele foi pensado, exatamente, para quem passa muito tempo no notebook, pois não são visíveis marcas de impressões digitais ou de outras texturas.

CONTRA: O botão de ligar/desligar, quando ligado à corrente, funciona perfeitamente, por sua vez, quando ligado só com a bateria, é preciso aplicar alguma força para conseguir ligá-lo. Contatei a Avell para perceber o porquê onde o Armstrong me informou que, por ser um notebook de alto desempenho, ele pesa um pouco no arranque, sendo necessário, inclusive, manter o dedo pressionado.

Deixo algumas imagens retiradas do site da Avell e que são fidedignas do notebbok.

3_19_7 4_16_5 5_12_47 6_10_35 8_7_23 9_5_21 11_3_25 2_21_8 1_20_10 18_3_4 17_3_4 16_2_9 15_3_7 14_3_9 13_3_12 12_3_16

Teclado e Mouse

Para quem faz do computador uma ferramenta de trabalho, sabe da importância que é ter um bom teclado e o da Avell FullRange G175 FIRE XR, é fantástico. As teclas estão devidamente distanciadas, são de toque fácil e preciso, não há folgas nem imperfeições, e gosto principalmente do tamanho das teclas e do toque preciso. Outra coisa que gosto é a forma como ele se enquadra com o computador. O teclado de 102 teclas tem retroiluminação discreta, poderia ser automática e adequar-se à iluminação do ambiente, mas por ser discreto, é um bônus, já que a maioria dos teclados retro iluminados tendem a ser excessivamente brilhantes em ambientes escuros. A luz de fundo não é perceptível durante o dia.

O teclado é iluminado e possui teclas com um ótimo acabamento, além de elas serem bastante firmes ao toque. Como o notebook possui um tamanho “avantajado”, é possível ter um teclado numérico completo, assim como acontece com os teclados para desktops.

CONTRA: o layout do teclado não é o do Brasil, o que dificulta a habituação ao início.

O touchpad tem uma dimensão razoável e tem uma superfície suave, tendo suporte para um bom número de gestos multi toque, como aumentar/diminuir o zoom, subir e descer as páginas usando três dedos, entre outras.

O botão de clique é grande, e pode-se clicar em qualquer parte para produzir o efeito do clique. É de salientar a boa precisão do mouse.

CONTRA: o botão direito do mouse aparenta uma certa dificuldade, pois a maioria das vezes comporta-se como se fosse clicado no botão esquerdo, tendo um local exato para se clicar e que funcione.

Portas disponíveis

Pelo fato do Avell FullRange G175 FIRE XR não ser nada fino, e ter um tamanho considerável, seria de esperar algumas portas USB a mais.

No demais ele conta, na parte esquerda, com uma portas USB 3.0, uma entrada HDMI, e-Sata, VGA, Ethernet e cabo de força. Já no lado direito, tem entrada para microfone e auscultador, duas portas USB (sendo uma 3.0),  e uma drive óptica, o que acaba por ficar feio, uma vez que solicitei sem a drive e vem com o layout dela, apesar de não conter nenhuma, e por fim uma entrada de Kensington Lock. Já na parte da frente do lado direito, encontra-se a entrada para o cartão de memória (SD).

No teste que fiz para a bateria adotei um uso tipicamente normal, onde a bateria foi carregada a 100%, o desempenho escolhido foi o padrão do Windows, com uma luminosidade da tela a 50%. Assim, e com um uso típico, como leitura de uns artigos, navegação na Internet, email, facebook, chat, edição de textos, sempre com música a tocar e ocasionalmente um vídeo no YouTube, consegui uma autonomia de 4h e 02 minutos, o que considero bom.

Performance e Benchmarks

A primeira coisa que se faz assim que se vai para o computador é ligá-lo, e neste caso, temos uma agradável surpresa no tempo de boot, já que um PC normal pode demorar até um minuto ou mais entre o momento em que carregamos no botão on/off até ele estar pronto a usar. No caso do Avell FullRange G175 FIRE XR ele demora uns incríveis 10 segundos. Já se falarmos em suspendê-lo, por exemplo, fechando a tampa, é praticamente instantâneo.

O desempenho deste Avell é de topo, já que podemos fazer praticamente qualquer coisa com ele, exceto, por exemplo, inclusive jogar jogos 3D como Call of Duty: Modern Warfare 3. O SSD de 250GB está entre o mais rápido que já testei, isso facilmente é denotado pelo tempo de arranque dele que, juntamente com o seu processador i7, faz com que não tenhamos que esperar praticamente nada para fazer qualquer ação.

Durante praticamente 2 semanas de utilização não tive qualquer problema com o desempenho, sendo que o i7 incorporado dá conta do recado para qualquer ação que pretenda fazer no seu dia-a-dia ou mesmo a nível profissional, como foi o meu caso.

No entanto vou deixar aqui alguns dos resultados dos testes que obtive:

CrystalDiskInfo

O CrystalDiskInfo é uma ferramenta que nos permite saber um pouco mais sobre o disco rígido instalado no computador para a unidade C e D:

CrytalDiskInfo_UnidadeC

CrytalDiskInfo_UnidadeD

CrystalCPUID

O CrystalCPUID é uma ferramenta simples cujo objetivo é o de obter e informar as especificações do microprocessador instalado no computador:

CrystalCPUID

CrystalMark 2004 R3

O CrystalMark é uma ferramenta para benchmark, ou seja, ele testa os recursos e o desempenho do computador. Com ele podemos testar o processador, a memória, o disco rígido e recursos de vídeo (entre eles GDI, Direct Draw e OpenGL):

CrystalMark2004R3

Para uma informação mais detalhada pode consultar o arquivo CrystalMark2004R3.html

Problemas técnicos

Após ter comprado o meu notebook no terceiro dia de uso efetivo, ele apresentou problemas, tendo travado completamente, apenas realizando uma vídeo chamada no skype, e fazendo um barulho que parecia vir da parte de baixo do notebook.

O esperado seria, que assim que fosse comunicado houvesse prontidão em reparar o sucedido, enviando um novo, agendando uma recolha, emitindo um guia de recolha pelos correios, ou algo, porém tal não se verificou. Reportei o incidente a 2 de setembro de 2015 às 18:03, somente a 9 de setembro de 2015 às 14:52 foi liberado a ordem de recolha do equipamento para que houvesse reparo, sendo que a dia 4 de setembro de 2015 às 14:17 foi expressamente dito “vai aguardar um código de postagem que enviaremos em seu e-mail em até 24hrs“, bem mais que 24 horas se passaram. No pré venda o atendimento fantástico, porém no pós venda, quando se necessita da garantia o atendimento não é tão ágil.

Depois de enviar o meu notebook NOVO com apenas 3 dias de uso dando problema, no dia 11 de setembro de 2015 às 09h43, e apesar de ser explícito no email que nas Agência de Correios Própria – AC fariam a embalagem e que estava coberta pelo código de autorização de postagem o que é certo é que os Correios indicaram que não consta embalagem nessa autorização bem como não dispunham de plástico bolha, isopor ou algo para embalar devidamente o equipamento conforme era descrito pelo email, pelo que tive de arcar com o custo de embalagem no valor de R$ 12.00 sendo esse valor restituído depois pela Avell no dia 21 de setembro de 2015.

Ainda no dia 11 de setembro de 2015 às 15:51 enviei um email para garantia@avell.com.br sem resposta, outro a 15 de setembro de 2015 às 13:23 também ele sem resposta. Sendo que Simplesmente a 15 de setembro de 2015 às 16:14  recebi um email que parecia daqueles emails “automáticos” sobre a abertura da Ordem de Serviço, que em nada me esclarece a situação. Era de se esperar muito mais de uma empresa como a Avell visto o note ter dado problema logo com 3 dias de uso, ter o adquirido, faz hoje (dia 18 de Setembro de 2015) exatamente 1 mês e de o ter usado por 4 ou 5 dias. Faz hoje (dia 18 de Setembro de 2015) também 1 semana que enviei o notebook, de acordo com o site dos correios foi recebido no dia 14 de setembro de 2015 às 16h31 e faz mais de 72h (hoje às 16h31 fará 96h) que estão com o notebook.

rastreamento

Demoraram praticamente 24h para abrir o chamado, pelo menos de acordo com o email que recebi a 15 de setembro de 2015 às 16:14 e que indicava que os trabalhos só iniciariam no dia seguinte, ou seja, após terem o notebook, somente com mais 36h é que iniciavam a averiguação do problema.

Até hoje, diferentemente de quando comprei recebia um email diário a saber o estado da encomenda, se estava em montagem, em testes e tudo mais, estou sem saber o estado da situação nem tampouco uma perspectiva de quando a situação estará sanada.

Depois a dia 18 de setembro de 2015 às 09:19 foi verificado que o problema era na motherboard o qual foi reparado e o notebook postado nos correios a dia 21 de setembro de 2015 às 14:23, porém só avisado e notificado do seu envio e código de rastreio a 23 de setembro de 2015 às 14:03

Dessa forma recebi o notebook em casa a 25 de setembro de 2015 às 19h00, e a 10 de outubro de 2015 às 11:40 reportei novamente um problema com o notebbok, curiosamente, o mesmo problema, o qual foi respondido a 13 de outubro de 2015 às 10:03, com início de produção de uma nova máquina e que em até 24h receberia um código para poder postar nos correios o notebook defeituoso.

Desta segunda vez, bem mais prestáveis e ágeis no atendimento.

Assim, enviei o notebook aos correios no dia 16 de outubro de 2015, e o envio do novo notebook feito a dia 23 de outubro de 2015, sendo que o recebi dia 26 de outubro de 2015.

NEGATIVO: atendimento pós venda na solicitação da garantia.

Acessórios

Mochila Case Logic 17″ VNB-217

A mochila tem um estilo aerodinâmico e recursos inteligentemente colocado somam uma pegada minimalista. A mochila Case Logic VNB-217 possui compartimento acolchoado que comporta um nootebook de 17″, divisória separada para revistas, pastas e arquivos. Também tem painel de organização para eletrônicos portáteis, canetas e demais acessórios, bolso especial para celular e compartimento externo em malha para squeezes ou garrafas de água. É transportada por alças acolchoadas e ajustáveis.

Mouse Opt Tarantula Fortrek OM702 PT

O mouse Spider Tarantula da Fortrek tem características e traços muito parecidos com o  Team Scorpion X-Luca II, parecendo uma cópia, o produto da Fortrek se diferencia em detalhes mínimos.

Mesmo com todas estas ressalvas de construção e design, o OM-702 é confortável de se utilizar, e para quem tem uma mão grande, é ergonomicamente bom, pois a parte traseira do mouse se encaixará perfeitamente na palma da mão e esse é o principal elemento para fazer do equipamento um bom acessório. Em termos de visual, por fora reparamos um tom um pouco mais invocado e uma boa combinação das cores preta e vermelha. Embora a estrutura seja de plástico nas laterais, podemos observar uma textura de borracha para dar mais firmeza às mãos. Os botões de clique direito e esquerdo são bastante suaves mas não silenciosos, e são acompanhados por dois botões na parte esquerda que podem ser utilizados como macros ou como avançar e retroceder por exemplo. Já na parte central do mouse, fica o botão de ajuste de DPI, que, contrariamente no que diz no site da Avell “O Mouse Tarantula possui iluminação em LED que muda de cor de acordo com o DPI, facilitando a identificação do DPI selecionado.” o mouse não muda o LED após mudança do DPI, o que é ruim pois dificulta saber qual está selecionado.

Como tal achei que deveria notificar a Avell, visto que a própria descrição encontra-se no site da Fortrek http://fortrek.com.br/mouse-gamer-optico-spider-tarantula-om702-pretovermelho-fortrek-243.html, pelo que mesmo não sendo culpa direta deles, prontificaram na resposta por parte do Laércio Esteves, corrigiram a informação no site deles e ainda me ofereceram de brinde um case de neoprene, que é utilizada para proteção do notebook. Achei bem legal a atitude deles.

fone-headset-gamer-e-mouse-usb-tarantula-com-frete-gratis-21882-MLB7584368269_122014-F mouse_fortrek_gamer_spider_tarantula_54623_2391_2_20141205184730Fortrek-Spider-Tarantula-OM702-17-1024x768 Fortrek-Spider-Tarantula-OM702-34-1024x768 Fortrek-Spider-Tarantula-OM702-42-1024x768 Fortrek-Spider-Tarantula-OM702-43 Fortrek-Spider-Tarantula-OM702-46-1024x768 Fortrek-Spider-Tarantula-OM702-411-1024x768

PS: Imagens do mouse retiradas na internet.

Meu Veredito

Muitas são as marcas que estão no mercado dos notebboks e computadores, no entanto poucas são as que conseguem chegar aos pés da qualidade/design dos produtos da Apple. Hoje em dia não basta um computador ter características potentes, é preciso ter um design cativante, já que, cada vez mais, os olhos são também um fator de decisão. E hoje em dia, principalmente com a vinda dos tablets, há um novo fator a ter em consideração, o tato. Quando falo em sentir/tato, falo principalmente no conforto depois de várias horas a trabalhar com ele, e acreditem que faz toda a diferença. É claro que tudo isto tem um preço, principalmente quando deste conforto depende o nosso desempenho.

O Avell FullRange G175 FIRE XR é praticamente perfeito em quase tudo, com exceção do seu sistema de som O ecrã 17,3″ 16:9 (1920×1080) Full HD LED-Backlit Matte confere uma qualidade de imagem fantástica, com ângulos de visualização muito bons. O desempenho é excelente, uma inicialização completa leva menos de 11 segundos. O teclado retro iluminado é de alta qualidade e o touchpad é bastante preciso. É bem refrigerado porém um pouco barulhento quando se puxa por ele. Por último, mas não menos importante, a qualidade da construção é aceitável, não é das melhores, e pelo preço pago bem que poderia e deveria ser bem melhor, já o design é relativamente elegante sem ser exagerado.

Pontos Fortes

  1. Tela de alta resolução e qualidade de imagem fantástica;
  2. Excelente desempenho;
  3. Excelente teclado retro iluminado;
  4. Boa duração da bateria;

Pontos Fracos

  1. Sistema de som;
  2. A quantidade limitada de portas USB;
  3. O botão ligar / desligar;
  4. Preço;
  5. Caixa de drive ótica quando não existe;
  6. Botão direito do mouse (touchpad);
  7. Problemas técnicos;

Artigos Relacionados:

Autor Carlos Gonçalves

Sou Português, nascido e criado em Setúbal, mas atualmente resido e trabalho no Brasil, na cidade de Campinas do estado de São Paulo. Em geral, sou flexível e estou sempre aberto a novas ideias. Sempre disposto a aprender, desde o início identifiquei-me com o meu trabalho e gosto de fazer as coisas de maneira simples e objetiva.

1 Comentários

  1. Joana

    Aparentemente, pelo que descreveste, consegue-se detectar mais pontos fracos do que fortes. Quais as marcas concorrentes no Brasil?
    Existem marcas como as que temos acesso aqui em Portugal? ASUS, ACER, TOSHIBA, etc…? As marcas que referi são marcas comercializadas a nível internacional, tendo muitas delas serviço cá em Portugal, o caso da ASUS e TOSHIBA.
    Pergunto isto para teres um nível de comparação elevado, como temos aqui.
    Por exemplo, cá:
    ASUS – Excelente em termos de qualidade/preço e com um excelente serviço pós venda;
    ACER – Excelente em termos de qualidade/preços e com um mau serviço pós venda (Contacto directo com Espanha apenas, demora dias/meses a resolverem-te uma situação simples);
    TOSHIBA – Bom em termos de qualidade/preço e com um excelente serviço pós venda;
    HP – Mau em termos de qualidade/preço e com um excelente serviço pós venda;
    SONY – Horrível em termos de qualidade/preços e com um mau serviço pós venda (apenas consegues ter contacto através das lojas que compras e mesmo assim não é confiável);

Deixa a tua opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *